terça-feira, junho 05, 2007

Tortura-me


sinto nas entranhas
castra-me o desejo
teu cinto de castidade.

Nenhum comentário: