sábado, fevereiro 03, 2007

DUETO

Dança dos dedos*

Estremeço
entre a dança dos dedos
Se cantas o sorriso
é que algemas o coração
Faz-me beijar os dias
e assim querer o mundo
Se os desejos me assaltam
vou nos caminhos desse sonho
Sigo contornos
Torno-me única.
* A dança dela
Moça, posso brincar com tua dança?
(em resposta à poesia Dança dos dedos)

Torno-me única
entre os dedos dessa dança.
Vou nos caminhos desse sonho
se os desejos me assaltam.

Sigo contornos
Estremeço.
E se cantas o sorriso,
faz-me beijar os dias.

... querer o mundo
algema o coração.

(Poesia publicada na Antologia de poemas, "Poetas do Café", 2006)


2 comentários:

Amanda disse...

Composição perfeita. Quase musical.

Hannah Abraão em frases de momento disse...

Essa paixão que desencadeou as duas poesias tb é musical, perfeita rs Volte sempre!!!